VIVER...

A VIDA É UMA PEÇA DE TEATRO QUE NÃO PERMITE ENSAIOS. POR ISSO, CANTE, CHORE, DANCE, RIA E VIVA INTENSAMENTE, ANTES QUE A CORTINA SE FECHE E A PEÇA TERMINE SEM APLAUSOS...

CHARLES CHAPLIM

26 julho 2012

Bom dia VIDA!



Bom dia! Eu gostaria que o seu dia, não seja apenas um dia normal, igual a tantos outros que você já viveu. Que hoje seja um dia melhor que foi ontem!
Mas, por que estou lhe dizendo ou desejando isto?
O avanço tecnológico nos permite ver e localizar várias partes do mundo em tempo real. Podemos saber com uma precisão quase exata quantos quilômetros faremos em determinado tempo. Isso nos dá segurança, nos permite planejar.
Mas a estrada da vida de cada um,  continua uma incógnita. Planejamos, sim, mas sem poder afirmar quantos quilômetros poderemos ainda percorrer e nem o tempo que teremos para isso. Claro, esse desconhecimento do caminho não nos impede de ir adiante. Mas, por outro lado, faz por vezes esquecemos que não temos todo o tempo do mundo e vamos adiando pequenas coisas, talvez nem tão importantes, mas que nos fariam felizes.
Acredito sempre ser o caminho de cada um, a busca pelo melhor sempre. Querer e desejar o melhor. Também, por que, aquilo que aconteceu ontem, já pertence absolutamente ao passado, disso, deve restar apenas à lição aprendida.
O amanhã nada sabemos, então por que se preocupar com o que já passou e com o que ainda não aconteceu?
A vida é uma estrada e cada minuto passado é irrecuperável. Cada sonho que temos simples ou extraordinário, é um futuro que colocamos no coração. É um pedacinho de felicidade que almejamos e que, por vezes, pensamos poder deixar de lado para as outras prioridades da vida.
Por isso  hoje, além de dizer a você,  que pode conseguir aquilo que sonha que deve viver o dia de hoje intensamente, e se seu sonho é uma flor, que a colhamos! Se for uma viagem, que a façamos com o maior prazer! Se for estar com alguém, que estendamos então nossas mãos e apressemos nossos passos! Além de tudo isso gostaria de compartilhar um segredo contado por Ghandi.
E disse Gandhi:
Se Eu Pudesse...
Se eu pudesse deixar algum presente a você, deixaria aceso o sentimento de amar a vida dos seres humanos.
A consciência de aprender tudo o que foi ensinado pelo tempo a fora.
Lembraria os erros que foram cometidos para que não mais se repetissem.
A capacidade de escolher novos rumos.
Deixaria para você se pudesse, o respeito àquilo que é indispensável:
Além do pão, o trabalho.
Além do trabalho, a ação.
E, quando tudo mais faltasse, um segredo: de buscar no interior de si mesmo a resposta e a força para encontrar a saída.
Pense nisso...

4 comentários:

  1. olá Mirele gostaria de obter mais informações do casal Rebeca e Daniel, os vídeos que tenho assistido pelo youtube são muito antigos, e a informação mais atual é essa no seu blog. Não consigo tbém contato com Guerreiros da Colheita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpa por demorar para responder, entra em contato comigo pelo meu email: mreisnog@gmail.com.

      Excluir